Vestibular: Testes para Resolver

Testes de Cinemática – Lista 1


1.        Um corpo, no instante de tempo t0 = 0 , é lançado verticalmente para cima e alcança uma altura “H” num instante de tempo “t”. Supondo nula a resistência do ar, identifique entre os gráficos abaixo, o que melhor representa a variação do deslocamento do corpo, em função do tempo, desde “t0” até “t”. As curvas são ramos de parábola.


2.        Um trem que possui 100 m de comprimento atinge a boca de um túnel e, 30 s após, a extremidade de seu último vagão abandona o túnel. Sabendo que a velocidade do trem é constante e igual a 20 m/s, podemos concluir que o comprimento do túnel é
(A)    4,5x102 m.
(B)    5,0x102 m.
(C)    6,0x102 m.
(D)    7,0x102 m.
(E)    7,5x102 m.


3.        Um corpo, que se movimenta retilineamente, tem sua velocidade variando em função do tempo, conforme mostra o gráfico abaixo.

Pode-se afirmar que aceleração que atuou neste corpo foi
(A)    maior no intervalo "C" do que no intervalo "A".
(B)    nula no intervalo de tempo "B".
(C)    nula no intervalo de tempo "D".
(D)    variável nos intervalos de tempo "B" e "D".
(E)    constante no intervalo de tempo "D".


4.        Quando um corpo se movimenta retilineamente, sua velocidade varia de acordo com o tempo, conforme mostra  a seguinte tabela:

O Gráfico que melhor representa o comportamento da aceleração deste corpo em função do tempo é:






 

 

5.        O esquema abaixo representa um corpo que desliza, sem atrito.

    No instante de tempo tA=0 , o corpo encontra-se no ponto A com velocidade vA . O ponto C é o ponto mais alto da superfície inclinada atingido pelo corpo; ele o atinge no instante t=tC. O ponto B é eqüidistante de A e C. Na subida, quando o corpo passa por B, pode-se afirmar que:

6.        Um corpo de massa m movimenta-se sobre uma estrada retilínea, partindo de uma posição inicial -10m. O gráfico representa a velocidade deste corpo em função do tempo.

A equação da velocidade que descreve este movimento é

7.        Lança-se um corpo para cima com uma velocidade inicial vi e este leva um tempo t1 para atingir a altura máxima. Pode-se afirmar, desprezando as forças de resistência do ar:
(A)    Na metade da altura v=vi/2
(B)    Na metade da altura t=t1/2
(C)    Para t=t1 a aceleração é zero.
(D)    Para t=2t1 o corpo estará no ponto de partida.
(E)    Na metade da altura t=3t1/2 .

8.        Considere o gráfico posição (x) em função do tempo (t) para um móvel em movimento retilíneo. Qual é o gráfico velocidade (v) em função do tempo (t) correspondente?

 

9.        O gráfico em função do tempo mostra dois carros A e B em movimento retilíneo. Em t= 0s os carros estão na mesma posição.

O instante em que os carros novamente se encontram na mesma posição é
(A)    2,0 s
(B)    4,0 s
(C)    6,0 s
(D)    8,0 s
(E)    10 s

10.    Um corpo é lançado de baixo para cima sobre um plano inclinado, livre de atrito, com velocidade inicial de 6,0 m/s. Após 5/3 s ele atinge o topo do plano com velocidade de 1,0 m/s. A equação de velocidade que melhor se adapta a este movimento é
(A)    v = 6 - 5t/3
(B)    v = 5 - 5t/3
(C)    v = 1 - 5t/3
(D)    v = 6 - 3t
(E)    v = 6 –t

11.    Dois móveis, A e B, descrevem respectivamente um movimento retilíneo, representados pelo gráfico v=f(t) abaixo.

A razão entre os deslocamentos dos móveis A e B durante os respectivos intervalos de tempo é
(A)    5/6
(B)    3/4
(C)    1/2
(D)    1/3
(E)    4/3

12.    Uma polia A de raio RA = 0,2 m está ligado, através de uma correia, a outra polia B de raio RB = 0,4 m sem nenhum deslizamento entre as polias e a correia, durante o movimento.


Se o movimento descrito pelas polias A e B for movimento circular uniforme, então a velocidade angular da polia A é numericamente.
(A)    igual à velocidade angular da polia B.
(B)    igual à velocidade tangencial da polia A .
(C)    menor do que a velocidade angular da polia B.
(D)    maior do que a velocidade angular da polia B.
(E)    igual à velocidade tangencial da polia B.

13.    Um móvel descreve um movimento retilíneo sob a ação de uma força constante, partindo da origem com velocidade inicial nula e passando sucessivamente pelas posições x1 , x2 , x3 , x4 e x5 . O móvel gasta um intervalo de tempo igual a 1/10 de segundo na passagem entre duas posições sucessivas.

Sendo constante a aceleração do móvel, podemos afirmar que esta aceleração vale, em m/s2,
(A)    1
(B)    2
(C)    3
(D)    4
(E)    5

14.    Uma esfera está deslizando sobre uma mesa sem atritos, com certa velocidade v0 . Quando a esfera abandona a superfície da mesa, projetando-se no vácuo, descreve a trajetória representada na figura abaixo.

A altura da mesa Y é de 5 m e o alcance horizontal X é 10 m. Qual a velocidade inicial v0 da esfera, em m/s?
(A)    2
(B)    4
(C)    5
(D)    8
(E)    10


15.    Um projétil é disparado contra um alvo por um atirador. Sabe-se que o ruído do impacto é ouvido pelo atirador 1,2 s após o disparo e que a velocidade do projétil tem valor constante de 680 m/s. Considerando que a velocidade do som no ar é de 340 m/s, a distância entre o atirador e o alvo, em metros, é de:
(A)    170 .
(B)    272 .
(C)    300 .
(D)    480 .
(E)    560 .


Para responder às duas próximas questões, utilizar o gráfico v = f(t) abaixo.

16.    No intervalo de tempo compreendido entre t = 0 s e t = 2 s ,  a aceleração, em m/s2 , é igual a
(A)    zero
(B)    2,
(C)    3,5
(D)    4,0
(E)    5,0


17.    Entre os instantes t = 4 s e t = 8 s , a distância  percorrida pelo móvel, em metros, é de
(A)    5
(B)    10
(C)    20
(D)    30
(E)    40


18.    Qual dos gráficos abaixo representa a variação da velocidade v, em função do tempo t, de uma pedra lançada verticalmente para cima? (A resistência do ar é desprezível.)






 

 

19.     A posição inicial de um móvel que descreve um movimento retilíneo, representado pelo gráfico v = f(t) a seguir, vale 10 m.

A equação horária que melhor representa o movimento considerado é:
(A)    x = 10 + 30t - 4t2
(B)    x = 10 + 30t + 2t2
(C)    x = 10 + 30t - 2t2
(D)    x = 30t - 4t2
(E)    x = 30t - 2t2


20.    Dois automóveis, A e B, se deslocam sobre uma mesma estrada, na mesma direção e em sentidos opostos, animados, respectivamente, das velocidades constantes vA = 90 km/h e vB = 60 km/h. Num determinado instante t0 = 0 , passam pelo mesmo referencial. Ao final de 15 min contados a partir da passagem pelo referencial, a distância entre os automóveis, em km, será
(A)    10,0
(B)    37,5
(C)    42,7
(D)    54,8
(E)    81,3


21.    O disco da figura gira no plano da folha em torno do eixo C, no sentido horário, animado de um MCU. O eixo C é perpendicular ao plano da figura. Os pontos 1 e 2, situados às distâncias R1 e R2 do eixo C, giram solidários com o disco. Sabendo que R1=1/2R2, a relação entre as velocidades lineares v1 e v2 dos pontos 1 e 2 é

(A)    v1 = 1/3v2
(B)    v1 = 1/2v2
(C)    v1 = v2
(D)    v1 = 2v2
(E)    v1 = 3v2

22.    Um móvel, inicialmente em repouso, parte do referencial A da figura, no instante t = 0 , ocupando, sucessivamente, as posições B, C, D e E de segundo em segundo. Cada divisão do papel milimetrado corresponde a 1,0 m.

A aceleração do móvel, em m/s2, vale,
(A)    2,25
(B)    3,00
(C)    3,75
(D)    4,50
(E)    5,25


23.    Um motor aciona o eixo 1, imprimindo a este uma velocidade angular constante de módulo w . As polias B e C estão ligadas através de uma correia e as polias A e B estão ligadas por um eixo.

Com relação aos sistema, podemos afirmar que as velocidades periféricas tangenciais de módulo v e angulares de módulo w de cada polia são
(A)    vB  >  vC              wB  =  wA
(B)    vB  =  vC              wB  =  wA
(C)    vB  =  vC              wB  >  wA
(D)    vB  <  vC              wB  >  wA
(E)    vB  <  vC              wB  =  wA


24.    Uma partícula parte do repouso com aceleração constante, percorrendo os pontos A, B, C e D em intervalos de tempos iguais (1 segundo) .

Se a partir do ponto D a aceleração da partícula for duplicada, então a distância DE valerá, em metros,
(A)    4
(B)    5
(C)    6
(D)    7
(E)    8


25.    Duas partículas são lançadas de alturas diferentes, H e 2H, com velocidades horizontais iniciais iguais, através de duas calhas conforme a figura.

Quando a partícula A estiver sobre a posição 3, a partícula B estará simultaneamente sobre a posição
(A)    2
(B)    3
(C)    4
(D)    5
(E)    6


26.    As figuras abaixo representam quadrados nos quais todos os lados são formados por vetores de módulos iguais.

A resultante do sistema de vetores é nula na figura de número
(A)    1
(B)    2
(C)    3
(D)    4
(E)    5


27.    Um avião está voando na horizontal em relação ao solo, com velocidade constante de 50 m/s, quando abandona uma bomba de uma altura vertical de 405 m acima do solo. Considerando nula a resistência do ar e a aceleração da gravidade g = 10 m/s2 ,  a bomba ao atingir o solo, terá percorrido na horizontal uma distância, em metros, igual a
(A)    50
(B)    100
(C)    200
(D)    450
(E)    900


28.    Dois carros, A e B, deslocam-se numa estrada retilínea como mostra o gráfico abaixo, onde x representa a distância percorrida durante o tempo t.

Podemos afirmar que a velocidade do carro B
(A)    é menor que a do carro A.
(B)    é maior que a do carro A.
(C)    é igual à do carro A.
(D)    cresce com o tempo.
(E)    decresce com o tempo.


29.    Um móvel, partindo do repouso, executa um movimento retilíneo uniformemente variado. Ao término dos 2,0 s iniciais a sua velocidade é de 8,0 m/s . Qual a distância percorrida, em metros, após 5,0 s de movimento?
(A)    30
(B)    40
(C)    50
(D)    60
(E)    70


30.    Um objeto é lançado verticalmente para cima, com velocidade inicial v0 , sendo 2t0 o tempo necessário para voltar ao ponto de partida.
Dos gráficos da velocidade v em função do tempo t, a seguir apresentados, o que melhor representa a variação da velocidade do objeto enquanto se manteve em movimento é

 

31.    Duas polias, A e B, unidas através de um eixo rígido, executam movimento circular uniforme conforme mostra a figura.

Qual é a relação entre as velocidades lineares vA e vB dos pontos da periferia das respectivas polias, sabendo-se que o raio da polia A vale a metade do raio da polia B?
(A)    vA = 0,5vB
(B)    vA = 1,0vB
(C)    vA = 1,5vB
(D)    vA = 2,0vB
(E)    vA = 2,5vB


32.    Duas esferas, A e B, deslocam-se com velocidades constantes vA e vB , respectivamente, ocupando sucessivas posições ao longo do percurso indicado a seguir.

Sabendo-se que vA=2.vB e que num dado instante elas ocupam as posições indicadas, concluí-se que a esfera A alcançara a esfera B na posição
(A)    16
(B)    17
(C)    18
(D)    19
(E)    20


Instrução: Responda às 2 questões seguintes considerando o gráfico abaixo.
            O gráfico da velocidade v em função do tempo t, mostra o deslocamento retilíneo de uma partícula.

33.    A partícula, nos 2,0 s iniciais de movimento, apresenta, em m/s2 , aceleração de
(A)    2,0
(B)    3,0
(C)    4,0
(D)    5,0
(E)    6,0


34.    O deslocamento da partícula no intervalo de tempo de 4,0 s a 8,0 s , em metros, é de:
(A)    15
(B)    18
(C)    20
(D)    22
(E)    25


35.    Em relação à aceleração de um móvel que executa um movimento circular uniforme, pode-se afirmar que
(A)    é constante em módulo.
(B)    é variável em módulo.
(C)    é nula.
(D)    tem componente tangencial diferente de zero.
(E)    tem direção constante.


36.    Nos gráficos abaixo estão representadas velocidade (v), aceleração (a) e posição (d) como funções do tempo (t).
O gráfico que representa um movimento uniformemente acelerado é o

37.    Dizer que um movimento se realiza com aceleração constante de 5 m/s2 significa que
(A)    em cada segundo o móvel se desloca 5 m.
(B)    em cada segundo a velocidade do móvel aumenta de 5 m/s.
(C)    em cada segundo a aceleração do móvel aumenta de 5 m/s.
(D)    em cada 5 segundos a velocidade aumenta de 1 m/s.
(E)    a velocidade é constante e igual a 5 m/s.


38.    Um disco de gravação em que há dois pontos, A e B, está representado na figura.

Ao considerar o disco em movimento de rotação, podemos afirmar que
(A)    A tem velocidade angular maior que B.
(B)    A tem velocidade angular menor que B.
(C)    os dois têm a mesma velocidade linear.
(D)    os dois têm a mesma velocidade angular.
(E)    B tem velocidade linear menor que A.


39.    O gráfico abaixo representa a posição x ocupada por um móvel em movimento retilíneo e uniforme, em função do tempo t.

A expressão matemática desta função é
(A)    x = 2 + 1t
(B)    x = -1 + 2t
(C)    x = 2 + 3t
(D)    x = 2 + 2t
(E)    x = 4 - 2t


40.    O gráfico da velocidade v em função do tempo t representa movimentos retilíneos de dois móveis A e B.

Considerando-se os 8 segundos iniciais de movimento, é correto afirmar que
(A)    o móvel A tem aceleração menor do que o móvel B.
(B)    o móvel B percorre maior distância do que o móvel A.
(C)    o movimento do móvel A é uniforme.
(D)    os móveis percorrem distâncias iguais.
(E)    os móveis têm a mesma aceleração.


41.    A equação horária da posição x de uma partícula material em movimento uniformemente variado é dada pela expressão x = 3t + 2t2 , onde x está em metros e t em segundos. Após 5s de movimento, o móvel adquire velocidade, em m/s, igual a
(A)    10
(B)    13
(C)    17
(D)    23
(E)    25


Instrução: Responder às 2 próximas questões baseando-se no enunciado abaixo.
            Dois móveis, A e B, percorreram uma trajetória retilínea, conforme as equações horárias xA = 30 + 20t  e  xB = 90 - 10t ,  sendo a posição x em metros e o tempo t, em segundos.
42.    No instante t = 0 s , a distância entre os móveis, em metros, era
(A)    30
(B)    50
(C)    60
(D)    80
(E)    120


43.    O instante de encontro dos dois móveis, em segundos foi
(A)    1
(B)    2
(C)    3
(D)    4
(E)    5


44.    Um rapaz estava dirigindo uma motocicleta a uma velocidade de 72,0 km/h, quando acionou os freios e parou em 4,0 s. A aceleração imprimida à motocicleta pelos freios foi, em módulo, igual a
(A)    72 km/h2
(B)    4,0 m/s2
(C)    5,0 m/s2
(D)    15 m/min2
(E)    4,8 km/h2

45.    No gráfico abaixo está representada a velocidade v = f(t) de um determinado movimento, e cinco alternativas para a aceleração a = f(t) correspondente. Assinale a correta.


 

46.    Um atirador ouve o ruído da bala atingindo um alvo 4,0 segundos após dispará-la com velocidade média de 1020 m/s. Supondo-se que a velocidade do som no ar seja 340 m/s, a distância entre o atirador e o alvo, em metros é
(A)    340
(B)    680
(C)    1020
(D)    1360
(E)    1700

47.    As afirmações a seguir referem-se a um movimento retilíneo realizado por um objeto qualquer.
I - O vetor velocidade pode mudar de sentido.
II - O vetor velocidade tem sempre módulo constante.
III - O vetor velocidade tem direção constante.
A alternativa que representa corretamente o movimento retilíneo é
(A)    I, II e III.
(B)    somente III.
(C)    somente II
(D)    II e III
(E)    I e III


48.    Um pequeno objeto é lançado verticalmente para cima realizando na descida um movimento de queda livre. Supondo-se positiva a velocidade do objeto na subida, pode-se afirmar que sua aceleração será
(A)    positiva na subida e negativa na descida.
(B)    negativa na subida e positiva na descida.
(C)    constante e positiva na subida e na descida.
(D)    constante e negativa na subida e na descida.
(E)    variável e negativa na subida e na descida.


49.    Nos pares de gráficos a seguir, estão representadas velocidade v e aceleração a, ambas em função do tempo t.
O par de gráficos que representa o mesmo movimento é o da alternativa

 





Gabarito

1A 2B 3E 4B 5B 6E 7D 8B 9D 10D
11B 12D 13A 14E 15B 16E 17D 18E 19C 20B
21B 22D 23B 24E 25B 26C 27D 28C 29C 30D
31A 32C 33D 34E 35A 36C 37B 38D 39D 40B
41D 42C 43B 44C 45A 46C 47E 48D 49B